Miguel Pupo, a casa é sua!

mpupovencimecasa

A palavra Ohana, que na cultura havaiana significa “família” ou “dom da graça de Deus”, é o lema dos Pupo. Ela está escrita numa placa pendurada acima da porta do quarto de Miguel e é vista assim que você entra na casa deles.

Miguel Pupo é o filho mais velho de uma família que fincou raízes em Maresias e representa 3 diferentes gerações do surfe brasileiro. O pai, Wagner Pupo, foi um dos maiores tops da Abrasp (Associação Brasileira de Surfe Profissional) e da era Super Surfe como circuito brasileiro, além de shaper (ele fabrica pranchas). Miguel tem 5 anos de circuito mundial e Samuel, o irmão mais novo, está em vias de estrear na elite. A irmã Dominique também pega onda e mãe Jeane até bem pouco tempo atrás era a videomaker da turma.

Pranchas espalhadas, video de surfe na tv, cheiro de feijão e risadas, muitas risadas. Invariavelmente você é recebido assim quando chega por ali. Estive diversas vezes naquela casa, em especial nos últimos 4 anos, e em todas elas a recepção teve esses ingredientes. A sensação é de pertencimento, não importa o que acontece fora daquele portão, cada um dos cinco sabe onde ir e principalmente para onde voltar. É bonito de ver.

IMG_1217IMG_1219IMG_1206IMG_1204

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Peguei a Rio-Santos numa terça-feira, dois dias antes do aniversário de Miguel, para gravar a série para o blog. Ele ainda estava eufórico com a vitória no WQS Prime de Maresias, que além da belíssima vitória em casa, carimbou mais uma vez seu passaporte para a sexta temporada de circuito mundial no ano que vem. Aqueles também eram seus últimos dias em casa antes de embarcar para a última etapa do circuito, em Pipeline, Havaí, que começa no próximo dia 8.

Estava um bonito dia de sol, com ondas, pranchas, risadas e cheiro de feijão, como tudo deve ser na casa dos Pupo.

Ohana!

O segundo episódio da série você confere ainda esta semana, dia 8 aqui no blog, não perca! 🙂

 

 

facebooktwittermail

2 thoughts on “Miguel Pupo, a casa é sua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *